Rádio Legal FM 101,9

(62) 3307-1184

  • Início
  • Notícias
  • Contato
  • PRF registra quase 7 mil infrações nos primeiros dias de julho, em Goiás

    14/07/2017 às 9:04 - Goiás

    A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Goiás contabilizou 6.894 infrações nas estradas federais que cortam o Estado nos primeiros dez dias deste mês de julho. Destas, 1.423 foram registradas por radares e 5.471 são o resultado de autos de infração.

    Entre os registros está o maior excesso de velocidade nas rodovias federais goianas deste ano. No último sábado (8), um Ford Focus alcançou a velocidade de 207 km/h na BR-060, entre Rio Verde e Jataí.

    Nesse mesmo período também foram registrados 81 acidentes, que deixaram 57 feridos e seis mortos. No total, 30 pessoas foram presas, sendo cinco delas por embriaguez ao volante.

    De acordo com a corporação, foram realizados 3.245 testes de etilômetro, que culminaram na formalização de 181 autuações.

    O inspetor Newton Morais, chefe do Núcleo de Comunicação da PRF, avalia que os números de acidentes nestes primeiros dias do mês de férias estão dentro do esperado, ainda que os registros de infrações estejam altos. “O que mais nos preocupa é este segundo momento, quando vamos ter um movimento muito maior de veículos e pessoas nas rodovias do país. Consequentemente os problemas duplicam também”, afirma.

    Confira dicas da PRF para pegar a estrada neste período:

    O mês de julho é tempo de férias escolares, alta temporada no rio Araguaia, período que muitas famílias pegam a estrada para visitar amigos e familiares, fatores que levam ao aumento do movimento nas rodovias federais que cortam o estado de Goiás. Com o fluxo de veículos intensificado, os motoristas ficam mais vulneráveis a envolver-se em acidentes de trânsito e, por isso, a Polícia Rodoviária Federal orienta sobre as atitudes que contribuem para evitar transtornos nas estradas.

    Para os viajantes com muita bagagem, atenção com a amarração da carga para que não exceda as dimensões do veículo. E os que farão uso da carretinha, a preocupação deve ser com a iluminação do meio de transporte, para que a sinalização não fique comprometida durante a viagem.

    A PRF alerta também os pais que pegarão a estrada com crianças e bebês: atentem-se para o dispositivo de segurança adequado para cada idade. Bebês de até um 1 ano devem ser transportados no banco traseiro, acomodados no bebê conforto. De 1 a 4 anos deve ser feito o uso da cadeirinha. Para crianças de 4 a 7 anos, é obrigatório o uso do assento de elevação.

    O excesso de velocidade, a ultrapassagem em local proibido e o não uso do cinto de segurança figuravam entre as principais infrações flagradas pelos policiais rodoviários federais. O mau estado de conservação do veículo, comprometendo a segurança, e a falta de documento obrigatório ou documentação vencida também são infrações recorrentes no período das férias escolares.

    Antes de pegar a estrada:

    ● Verifique as condições dos pneus, dos equipamentos obrigatórios (macaco, estepe, chave de roda, triângulo, etc.), do sistema de iluminação e sinalização do veículo;

    ● Verifique se a documentação obrigatória está em dia;

    ●Descanse bem na noite anterior.

    Durante a viagem:

    ● Respeite, acredite e obedeça à sinalização;

    ● Obedeça aos limites de velocidade permitida, dirija com prudência, pois o excesso de velocidade é a causa da maioria dos acidentes;

    ● Ultrapasse somente um veículo por vez, em locais permitidos e com a certeza do sucesso da manobra. Facilite a ultrapassagem dos outros veículos;

    ● Guarde uma distância segura do veículo que vai à frente;

    ● Mantenha sempre os faróis acesos;

    ● Certifique-se de que todos os ocupantes do veículo estejam com o cinto de segurança ou nos equipamentos adequados;

    ● Se beber, não dirija. Álcool e direção nunca combinaram.